Associação de Docentes da Ufam anuncia participação na greve nacional da educação

A Associação dos Docentes da Universidade Federal do Amazonas (Adua) informou que vai participar da greve geral da educação de 48 horas nos dias 2 e 3 de outubro, contra os cortes nos orçamentos das Instituições Federais de Ensino (Ifes), de bolsas de pesquisas e “a tentativa de mercantilização da universidade pública com a aplicação do projeto ‘Future-se’, que já foi rejeitado por 34 das 63 universidades brasileiras, entre elas a Ufam”.

De acordo com a Adua, no campus da Ufam, em Manaus, no dia 2, das 7h às 9h, está prevista uma panfletagem no ‘Bosque da Resistência’ (em frente à Ufam). Às 9h, no Instituto de Filosofia, Ciências Humanas e Sociais (IFCHS) será realizada uma assembleia. Às 18h ocorre o festival `Aqui Se Respira Luta `com as bandas de música ‘Casa de Caba’, ‘Pacato Plutão’, ‘Alaídenegão’ e ‘Gramophone’, no estacionamento do IFCHS. No dia 3 , a programação inclui mobilização no ‘Bosque da Resistência’, às 7h, e assembleia dos servidores técnicos-administrativos, às 9h.

Haverá atividades também nos campus de Humaitá, Itacoatiara e Parintins.

18horas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!