EXCLUSIVO DENÚNCIA: Trabalhadores da Saúde falam sobre Condições de trabalhos nos hospitais: “basta com essa humilhação!”

Na tarde de ontem quinta-feira (3), foi aprovado na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) a Lei Delegada que coloca nas mãos do governador Wilson Lima direito de criar, incorporar, transferir, extinguir e alterar órgãos públicos e cargos públicos, entre outras atribuições.

Diante disso, a União Amazonense de Enfermagem (UAE) procurou a reportagem do Portal dos Fatos, na figura da Técnica de Enfermagem Helen Karina Nogueira, para fazer uma denúncia sobre as condições de trabalho “humilhantes” pelas quais a classe tem passado, principalmente os terceirizados.

“Estamos largados, a mercê da própria sorte. Muitos técnicos de enfermagem estão deixando a profissão e buscando outra. Gente, não somos nós que temos que deixar de ser Enfermeiros e técnicos de Enfermagem, é o governo que precisa ter mais respeito com a nossa categoria”, disse Helen.

Entre as reivindicações feitas, estão 30h de trabalho para toda a categoria em relação aos riscos biológicos, químicos, físicos, ergonômicos; vale transporte; o pagamento do Piso Salarial Nacional (as empresas privadas não estão pagando aos terceirizados); pagamento atualizado dos salários (que estão atrasados e a categoria vê como desrespeito); fim da terceirização, com abertura de Processo Seletivo e Concurso para todos.

Ainda, segundo a UAM, o decreto que congelou os salários dos servidores públicos acabou prejudicando a categoria, pois os enfermeiros ficaram impossibilitados de cobrar o Piso Nacional que foi aprovado, ficando sem seus direitos garantidos.

Veja o Vídeo completo abaixo:

TRABALHADORES DA SAÚDE FALAM SOBRE CONDIÇÕES DE TRABALHO NOS HOSPITAIS: “BASTA COM ESSA HUMILHAÇÃO!

Na tarde desta quinta-feira (3), foi aprovado na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) a Lei Delegada que coloca nas mãos do governador Wilson Lima direito de criar, incorporar, transferir, extinguir e alterar órgãos públicos e cargos públicos, entre outras atribuições.Diante disso, a União Amazonense de Enfermagem (UAE) procurou a reportagem do Portal dos Fatos, na figura da Técnica de Enfermagem Helen Karina Nogueira, para fazer uma denúncia sobre as condições de trabalho “humilhantes” pelas quais a classe tem passado, principalmente os terceirizados.“Estamos largados, a mercê da própria sorte. Muitos técnicos de enfermagem estão deixando a profissão e buscando outra. Gente, não somos nós que temos que deixar de ser Enfermeiros e técnicos de Enfermagem, é o governo que precisa ter mais respeito com a nossa categoria”, disse Helen.

Posted by Que Horror on Thursday, October 3, 2019
Trabalhadores da Saúde falam sobre Condições de trabalhos nos hospitais: “basta com essa humilhação!”

Talvez Você goste!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!