Caso Porão do Alemão: Sotero ‘caçou’ Wilson, afirma perito Ricardo Molina

O perito criminal, Ricardo Molina, afirmou que o delegado da Polícia Civil, Gustavo Sotero, não agiu em legítima defesa ao matar o advogado Wilson Justo, e que caçou a vítima para dar mais tiros.

O crime aconteceu no dia 25 de novembro de 2017, na boate Porão do Alemão, e foi registrado pelas câmeras de segurança. “Não há nenhuma caracterização de legítima defesa. Houve o soco, é claro.

Mas a reação é despropositada. […] Ele continuou caçando o Wilson depois do quinto tiro”, afirmou Molina, em entrevista à imprensa, nesta segunda-feira, dia 28, na sede da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazonas (OAB-AM).

Defesa

Ontem, a defesa de Sotero divulgou um vídeo em 3D em que sustenta a alegação de que seu cliente agiu em legítima defesa após ter levado um soco. Molina descontroi essa tese. “Wilson não ataca o Sotero.

Ele corre do Sotero para se esconder atrás da mureta. O Sotero recua e dá mais dois tiros. Ele continua caçando o Wilson depois do quinto tiro”, afirma. O renomado perito é assistente técnico da acusação do caso que vai a júri popular amanhã.

Crime

Os tiros disparados pela pistola .40 do delegado mataram naquela madrugada o advogado Wilson Justo e feriram Fabíola Rodrigues Pinto de Oliveira (esposa de Wilson) e os amigos destes, Maurício Carvalho Rocha e Iuri José Paiva Dácio de Souza.

Saiba mais: Crime do advogado na casa noturna foi filmado.

Circula nas redes sociais no começo desta tarde o vídeo do momento do assassinato do advogado Wilson de Lima Justo Filho e da tentativa de homicídio contra a esposa dele e outras duas pessoas. A ocorrência foi na casa noturna Porão do Alemão, em Manaus, nesta madrugada.

Os tiros são disparados pelo delegado da Polícia Civil do Amazonas Gustavo Sotero, que foi preso em flagrante. Na foto reproduzida do vídeo, o delegado com a arma na mão depois de disparar várias vezes, à queima-roupa, contra o advogado. No chão, a esposa de Justo Filho, também atingida a tiro.

Veja o vídeo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!