Caso Flávio: Polícia pede prorrogação da prisão temporária de seis suspeitos da morte de engenheiro em Manaus

Flávio Rodrigues foi encontrado morto horas depois de participar de uma festa na casa do filho da primeira-dama de Manaus.

Os delegados Marília Campello e Paulo Martins pediram na quarta-feira (30) a prorrogação da prisão temporária – pelo prazo de 30 dias – dos seis suspeitos de envolvimento na morte do engenheiro Flávio Rodrigues e a prorrogação para a conclusão do Inquérito Policial. O engenheiro foi achado morto no dia 30 de setembro após participar de uma festa na do filho da primeira-dama de Manaus, que está entre os presos.

No pedido enviado à 2ª Vara do Tribunal do Júri os delegados argumentam que a medida é necessária para a “correta apuração do fato”.

Voce pode gostar de ler!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!