Amigos dizem: ‘Ele pagou com a vida o que não devia’ sobre jovem morto.

O jovem e outras pessoas da mesma família foram assassinados com tiros na cabeça e tórax, na noite deste sábado (16)

Manaus- Luiz Carlos de Jesus Roque de 18 anos, foi executado na noite deste sábado (16) na casa em que morava juntamente com a família, em uma chacina onde, além dele, mais quatro pessoas morreram, no bairro Cidade Nova, Zona Norte. Amigos se mobilizaram e defenderam Luiz Carlos nas redes sociais, dizendo que ele pagou com a vida pela dívida com o tráfico de um dos familiares.

O adolescente era participante do Clube de Desbravadores, um departamento da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD) que trabalha com jovens e adolescentes de 10 a 15 anos. A foto de Luiz mostra o jovem segurando uma premiação e vestido com a camisa, identificando o Clube do qual fazia parte, Torre Forte, da IASD do bairro Flores.

Em algumas publicações, amigos relataram que Luiz pretendia conseguir um emprego e mudar do local. “Ele não tinha nada a ver com quem devia alguma coisa, estava no lugar errado, na hora errada”, disseram.

Outra pessoa  manifestou admiração pelo jovem “Eu admirava de longe, era uma menino estudioso que eu não via com más companhias, sempre o via indo para a escola, vendendo trufas na rua, eu tô muito triste pelo o que aconteceu.”  

Segundo informações, o alvo era o primo da vítima, Edmundo de Jesus Roque, de 21 anos, que ao perceber a invasão se escondeu no armário, mas também está entre as vítimas da chacina. Duas vítimas sobreviveram, entre elas uma grávida de oito meses que está fora de perigo, assim como o bebê.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!