Técnicos de enfermagem de maternidade da Susam denunciam salários atrasados

A Susam informou que a empresa Coopeam, a qual pertencem os técnicos da maternidade Ana Braga, não fez parte do acordo para pagamento de terceirizados homologado pela Justiça do Trabalho.

Técnicos de enfermagem terceirizados da Maternidade Ana Braga, da Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (Susam) realizam protesto para cobrar o pagamento de salários que, segundo eles, estão atrasados há quatro meses, nesta quarta-feira, em Manaus. Eles denunciaram que estão passando necessidades e que os atrasos estão ficando “insuportáveis”.

Alguns disseram que estão com dificuldades para comprar comida e que o Natal e o Ano Novo deve ser um dos piores, pois ainda não há previsão para os pagamentos. A manifestação fechou parte da Avenida Cosme Ferreira, na zona Leste. Agentes do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) e da Polícia Militar (PM) estiveram no local.

A Susam informou que a empresa Coopeam, a qual pertencem os técnicos da maternidade Ana Braga, não fez parte do acordo para pagamento de terceirizados homologado pela Justiça do Trabalho na última segunda-feira (09/12) e que foi orientada a procurar a Procuradoria Geral do Estado (PGE) para buscar um acordo em separado.

Matéria relacionada:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!