Após agredir companheira, homem acaba esfaqueado no bairro Santa Etelvina

Suspeito foi preso na manhã desta terça-feira (25)

Manaus – Um homem identificado como Anderson Deodato, de 22 anos, foi preso na manhã desta terça-feira (25) por suspeita de agredir a esposa durante uma discussão no bairro Santa Etelvina, Zona Norte da capital. Durante a briga, ele acabou sendo esfaqueado pela companheira, que tentava se defender das agressões. 

A vítima, que tem um relacionamento de seis meses com o suspeito, acionou os policias da 26ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) logo após a confusão, que começou com uma mensagem. 

“A gente entrou em discussão e ele começou a desferir socos no meu rosto. Quando eu consegui me soltar, aí ele veio pra cima de mim outra vez, mas eu já estava com a faca e, por impulso, eu me defendi, não foi porque eu quis. Ele sempre me agrediu e fazia um tempo que não fazia isso. Achei que ele tinha mudado”, disse a mulher, de 26 anos, sobre a motivação do esfaqueamento.

Segundo a polícia, o homem já tinha uma medida protetiva em seu nome. O casal havia se separado e, após um tempo, decidiram reatar o relacionamento.

“Quando eu vi que ele voltou a fazer a mesma coisa, eu disse que não queria mais apanhar dele e não aguentava mais essa vida, foi quando eu desferi um golpe nele e depois ele foi ao pronto-socorro, mas pela manhã ele estava na minha casa”, informou. 

De acordo com a vítima, o suspeito voltou para a residência após receber atendimento médico e voltou a realizar ameaças.

“Ele disse que ia atear fogo na minha casa, que queria os móveis, dizendo que tudo era dele, sendo que eu trabalhei e comprei também metade da coisas”, disse a mulher. 

O homem foi apresentado na manhã desta terça na Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM). 

Curta a página do Portal dos Fatos e fique por dentro das principais notícias.

error: O conteúdo está protegido !!