Balé Folclórico apresenta ‘Dançando Nossos Compositores’ no Teatro Amazonas

A apresentação será neste sábado (05/09), a partir das 20h, com acesso gratuito

Neste sábado (05/09), será a vez do Balé Folclórico do Amazonas subir ao palco do maior patrimônio histórico do Estado para apresentar o espetáculo “Dançando Nossos Compositores”, com direção de Conceição Sousa. A apresentação, no Teatro Amazonas, começará às 20h, com acesso gratuito para o público, no entanto, é necessário agendar a vaga no Portal da Cultura (cultura.am.gov.br).

Durante 40 minutos, o público vai acompanhar composições de artistas que imprimem, de forma lírica, o sentimento, a audácia, o caráter e o temperamento do povo amazonense. No repertório, estão nomes como Raízes Caboclas, Celdo Braga, Antônio Pereira, Sidney Rezende, Aníbal Beça, entre outros.

Segundo a diretora Conceição Sousa, a montagem aconteceu a partir de uma mesclagem de pequenas cenas coreográficas, que já estavam sendo trabalhadas desde o início do ano, antes da pandemia. Ela explica que o balé entrará em cena com 17 bailarinos, com o cuidado de dividi-los em grupos menores para evitar aglomeração.

“Além do maître, Eduardo Amaral, os bailarinos, dentro dos grupos, se revezam para que as aulas de balé clássico contemporâneo, dança de salão, indiana, entre outros, ocorram de forma alternada, durante a semana, para o bom desenvolvimento técnico do balé em cena”, conta a diretora. “Retornamos as atividades na primeira semana de agosto, dividindo os bailarinos em dois grupos, para trabalharem em salas separadas, com todos os cuidados necessários, visando a saúde de todos nesse momento que estamos passando”.

Sobre o espetáculo, Conceição destaca que o Balé Folclórico resgata, para o seu público, as composições de amazonenses, que, de forma lírica, despertam os sentimentos da população.

“Houve a preocupação de utilizarmos somente cantores e compositores da nossa terra, por isso o espetáculo recebe esse nome”, comenta Conceição. “Estamos ansiosos já que será uma apresentação incomum do que já trabalhamos, devido à pandemia. O balé espera fazer um bom espetáculo”.

Além de Conceição Sousa, que assina direção artística, composição, roteiro e pesquisa musical, o Balé Folclórico do Amazonas conta com coreografias de Eduardo Amaral, Conceição Sousa, Felipe Cassiano, Magda Carvalho, Branco Souza, e tem ainda como ensaísta o bailarino Rodrigo Collares.

“Vale destacar que os próprios bailarinos também tiveram participações nas montagens coreográficas”, reforça a diretora.

Protocolos – O Teatro Amazonas continua adotando todos os protocolos para prevenir a transmissão da Covid-19, como distanciamento social de 1,5 metro, totens de álcool em gel em pontos estratégicos, funcionários treinados e com equipamentos de proteção, aferição de temperatura na entrada do espaço e limpeza e higienização do local.

A saída do público, após os eventos, é realizada de forma imediata pelas portas laterais e frontais. Não é permitida a permanência do público no Hall do Teatro Amazonas. Também não é permitido o acesso de crianças de até 12 anos e de pessoas do grupo de risco da Covid-19, como idosos e gestantes. O uso de máscara é obrigatório.