No Centro, ‘flanelinha’ é agredido a pauladas após difamar grávida morta

Agressor é marido de Márcia Maiane Marques, 35, morta a tiros na Rua Lobo D’Almada, no dia 16 de setembro

Manaus – O guardador de carros Edimar Ramos de Araújo, 30, foi agredido a pauladas por Henrique da Silva Paular, 22, na Rua Lobo D’almada, Centro de Manaus, no início da tarde desta quinta-feira (1º). O agressor é marido da grávida executada a tiros no último dia 16 de setembro.

De acordo com o cabo Ramiro, da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), a agressão começou quando Henrique passava pelo local, vestido com uma blusa em homenagem a mulher.

“O guardador de carros começou a difamar a esposa falecida dele. Eles se desentenderam e o marido da grávida desferiu golpes com um pedaço de pau na cabeça e nos braços da vítima. A informação que coletamos no local é que todos são envolvidos com o tráfico de drogas na região”, explicou Ramiro.

Ainda segundo o policial militar, Henrique tentou se esconder dentro de um hotel na área, mas ao ser denunciado resolveu fugir. A fuga não deu certo e ele acabou capturado pela polícia.

A vítima foi conduzida para o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) São Raimundo, onde recebeu os atendimentos médicos e não corre risco de morte.

Henrique da Silva Paular foi conduzido para o 24º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde será feito o flagrante e aberto um inquérito policial para continuar as investigações.