Lockdown poderá durar mais de um mês no Reino Unido

“Seria tolice prever com absoluta certeza o que acontecerá em quatro semanas”, avaliou o ministro Michael Gove

Neste domingo (1º), o governo do Reino Unido informou que não é possível garantir que o “lockdown” termine em 2 de dezembro, como estava previsto inicialmente.

O ministro Michael Gove apontou que o período pode ser mais longo, por conta da capacidade do novo coronavírus.

– Com um vírus tão maligno, e com sua capacidade de se mover tão rapidamente, seria tolice prever com absoluta certeza o que acontecerá em quatro semanas – disse ele à emissora Sky News.

Gove destacou que existe uma “esperança fervorosa” de que o prazo de um mês seja suficiente para conter a pandemia. Porém, ele disse que “não dá para garantir isso”.

No sábado, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, anunciou novas medidas para conter a segunda onda de contaminações da Covid-19. O confinamento duraria, a princípio, quatro semanas, começando à meia-noite do dia 5 de novembro.