Pesquisa Big Data aponta vitória de David no segundo turno

O candidato subiu de 17% para 20% nas intenções de votos do eleitorado

Manaus – Após os estudos do Ibope,  a pesquisa do Instituto Real Time Big Data, encomendada pela Record TV, também apontou vitória de David Almeida (Avante) no segundo turno contra Amazonino Mendes (Podemos). A pesquisa foi divulgada nesta quinta-feira (12). 

Na pesquisa do Ibope, Amazonino, com 38%, perde para David, que registrou 46% das intenções do eleitorado.

De acordo com a Big Data, no começo de outubro, Amazonino iniciou a corrida eleitoral com 24%, na primeira rodada; na segunda, o candidato apresentou crescimento, ao registrar 27%. Mas, agora, o ex-prefeito caiu para 23%. 

Já David, que na primeira pesquisa do instituto apareceu com 17%, subiu para 19% na segunda rodada e agora está com 20%. Dentro da margem de erro da pesquisa, com 3 pontos percentuais para mais ou para menos, os dois candidatos aparecem tecnicamente empatados na disputa do primeiro turno.

Na disputa pelo terceiro lugar, o candidato Ricardo Nicolau (PSD) marcou 13%, enquanto Zé Ricardo (PT) registrou 10% das intenções de voto. 

Mais para baixo, os candidatos Coronel Menezes (Patriota) e Capitão Alberto Neto (Republicanos) tiveram 7%. Na sequência, aparecem os candidatos Alfredo Nascimento, do PL (6%); Chico Preto, do Democracia Cristã (2%); Romero Reis, do Novo (1%); e Marcelo Amil, do PCdoB (1%). Gilberto Vasconcelos (PSTU) não pontuou nessa pesquisa.

Os brancos e nulos somam 5%, enquanto os entrevistados que não sabem ou não responderam totalizam outros 5%.

Rejeição

No indicador de rejeição, quando o eleitor é perguntado em que candidato ele não votaria nunca, Amazonino aparece na liderança com 23%. 

O postulante é seguido de perto pelo ex-prefeito Alfredo Nascimento, que aparece com 22%, e de José Ricardo, que registrou 12%. Abaixo dos 5 pontos, David e Coronel Menezes aparecem com 3%, seguidos por Alberto Neto, com 2%.

Os pesquisadores entrevistaram 850 pessoas, entre os dias 10 e 11 de novembro, na capital amazonense. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) com o número AM 00923/2020.

*Com informações da assessoria