Bolsonaro: ‘Combustível poderia ser no mínimo 15% mais barato’

Presidente deu a declaração em suas redes sociais

Ontem sábado (20), o presidente Jair Bolsonaro falou da questão dos combustíveis no Brasil e disse acreditar que a gasolina deveria ser pelo menos 15% mais barata”. A declaração ocorre após o governo indicar o general Joaquim Silva e Luna para a presidência da Petrobras no lugar de Roberto Castello Branco.

Bolsonaro abordou o tema durante uma transmissão ao vivo realizada por meio do Instagram.

– Hoje em dia eu acho que a gasolina, combustível, poderia ser, no mínimo, 15% mais barato, se todos os órgãos tivessem funcionando. Quem são todos os órgãos? os órgãos de fiscalização ou de colaboração para fiscalizar – afirmou.

O presidente decidiu trocar o comando da Petrobras após a empresar decidir por um novo reajuste nos combustíveis. Em transmissão ao vivo pelas redes sociais nesta quinta-feira (18), Bolsonaro chegou a criticar o aumento e prometeu mudanças na empresa.

Ele também questionou a qualidade dos combustíveis no país e pediu mais transparência.

– Agora uma pergunta a vocês: você sabe que quando você coloca seu combustível no carro você não tem certeza se tem marcando 30 litros lá no visor da bomba se tá entrando 30 litros, não sabe a qualidade desse combustível (…) Quando você a nota fiscal você também não sabe quanto de imposto é federal, quanto é estadual, quando é a margem de lucro dos postos e quanto se paga também na questão da distribuição. Você não sabe de nada, é uma caixa preta – apontou.

Bolsonaro ainda falou que não pretende interferir na Petrobras.

– Vou continuar sem interferir, interferência zero. Contudo, vai ter transparência e previsibilidade. Não adianta a imprensa falar que eu intervim. Estou na mesma linha que na questão da Polícia Federal, e não acharam nada de interferência minha no tocante à PF – ressaltou.

Leia mais: