Meghan Markle poderá testemunhar em processo contra príncipe André

Uma possibilidade levantada por uma das supostas vítimas

Meghan Markle poderá ser chamada para prestar depoimento no processo judicial que decorre contra o príncipe André. 

David Boies, advogado que representa a suposta vítima, Virginia Roberts Giuffre, revelou ao Daily Beast que a duquesa de Sussex é considerada como alguém “que contaria a verdade”.

O profissional explicou ainda que uma vez que Markle vive nos Estados Unidos seria mais fácil esta deslocar-se ao tribunal, tendo em conta que é neste país que acontecem as audiências.

“Por causa do seu passado com ele, ela pode possuir importante informações”, destacou o advogado.

Giuffre, de 38 anos, alegou que foi forçada a ter sexo com o príncipe André três vezes em 2001, quando tinha apenas 17 anos. O filho da rainha Elizabeth já negou tais alegações.

error: O conteúdo está protegido !!