Três procuradoras da Prefeitura de Manaus terão aumento do salário em 95,41% 

MANAUS – Três procuradoras do Implurb (Instituto Municipal de Planejamento Urbano) da Prefeitura de Manaus terão o salário turbinado em 95,41% com a Gratificação de Procuratório, que representa 50 UFMs (Unidades Fiscais do Município), hoje no valor de R$ 127,17. O benefício vai acrescentar R$ 6.358,50 ao atual salário de R$ 6.664,28. O pagamento será retroativo a março. Com vantagens, cada procurador ganhará R$ 13,5 mil mensais.

A gratificação consta em projeto de lei aprovado nesta segunda-feira (18) pela Câmara Municipal de Manaus. Na justificativa da proposta, o Executivo alega que o objetivo é “amenizar as disparidades remuneratórias frente às outras procuradorias municipais e valorizar os procuradores autárquicos do Implurb, os únicos do município que não recebem a gratificação”.

A Prefeitura apresentou impacto financeiro do benefício. Com os encargos incidentes sobre a gratificação, a prefeitura vai gastar R$ 7.439,45 por cada cargo. A despesa mensal extra será de RS 22.318,34.

As três procuradoras autárquicas, de acordo com informações no site da Prefeitura de Manaus são: Kelly Araújo Brescianini, Oleisia Maximina Abreu da Silva e Liliane Maria Albuquerque Peres Figueiredo.

Até 2011 o Implurb tinha somente um procurador autárquico. Mais dois cargos foram criados em 2014, e as novas procuradoras foram aprovadas em concurso público.

Confira a Lei aprovada na Câmara e que vai à sanção do Prefeito.

error: O conteúdo está protegido !!