Atletas do Pelci são direcionados para clubes do futebol amazonense

Ao todo, seis jogadores que vieram do projeto no Santo Agostinho estão atuando na base de Manaus FC e Nacional FC

A expectativa de se tornar jogador de futebol é algo que passa no imaginário de todas as crianças e jovens que praticam o esporte. Buscando conquistar este sonho, seis atletas revelados pelo Projeto Esporte e Lazer na Capital e Interior (Pelci), do bairro Santo Agostinho, foram para a base do Manaus FC, clube que atualmente joga a Série C do Brasileiro, e para o Nacional FC, equipe que venceu 43 vezes o Campeonato Amazonense.

O projeto do Governo do Amazonas, que é coordenado pela Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), levou quatro atletas para o Nacional e dois para Manaus. Para a equipe Sub-17 do Leão da Vila Municipal, foram Caio Rodrigo, Erick Marlison, Ruan Vitor e Mateus Martins, este último também ganhando chance de atuar no Sub-19. João Vitor, na equipe Sub-13, e Maciel Victor, no Sub-17, estão no Gavião do Norte.

(Foto: Mauro Neto/Faar)

“Fico feliz em ver que atletas da comunidade tendo oportunidade de ingressar em grandes clubes do estado. Isso é a prova de que o nosso método é eficiente e estamos no caminho certo para levar cada vez mais jovens ao alto rendimento”, disse Jorge Oliveira, diretor-presidente da Faar.

Entusiasmado em participar das categorias de base do clube que joga a Série C, Maciel Victor, de 17 anos, falou da experiência que tem vivenciado, agora que está próximo de completar um mês de time.

“Graças a Deus tem sido muito positivo. Eu já estava treinando aqui antes de ir para o Manaus, o que foi muito bom para a minha adaptação. Passei por muita coisa na minha vida, essa oportunidade só me dá mais vontade de seguir em busca das minhas metas”, afirmou Maciel.

Orgulhoso do trabalho desempenhado no projeto, que hoje conta com mais de 80 alunos, o professor Márcio Marinho aproveitou a oportunidade para agradecer a presença do Governo do Estado com a implementação do Pelci.

“É uma satisfação imensa contribuir com este desenvolvimento, pois estes jovens entenderam a importância de seguir os nossos conselhos para que mostrem seu potencial nos clubes do estado. Eu só tenho a agradecer ao Governo do Estado por nos ter dado recursos para trabalhar essas crianças através do Pelci”, disse Márcio.

(Foto: Mauro Neto/Faar)

error: O conteúdo está protegido !!