Salão de Djidja Cardoso retoma as atividades em Manaus

Uma semana após a morte de Djidja Cardoso, ex-sinhazinha do Garantido, e prisões da mãe e irmão, Cleusimar e Ademar Cardoso, o salão de beleza a qual ela era sócia voltou a funcionar. Por meio de nota publicada nas redes sociais, o estabelecimento informou que a unidade do bairro Parque 10, zona Centro-Sul de Manaus, retomou as atividades na segunda-feira (3).

Na nota publicada no Instagram, o salão afirma que notícias falsas estão prejudicando os profissionais e têm afetado muitas famílias de bem.

“São pessoas que, como qualquer outra, têm famílias. São profissionais que saem de suas casa para dar o melhor de si, garantindo seu sustento e levando autoestima a muitas clientes com amor, carinho e alegria. Enfrentam um momento delicado”. 

Na última sexta-feira (31), a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) fez buscas e apreendeu ketamina, ampolas e seringas nos salões de beleza da família de Djidja Cardoso e em uma clínica veterinária.
Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos após as prisões da mãe, irmão e de uma funcionária do estabelecimento.